terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Março: mês da leitura, da poesia, do teatro...


" [...] no fundo no fundo, nós somos feitos de papel. Quer dizer, cada um de nós é muito mais feito de papel do que de carne e osso. E digo que somos feitos de papel porque somos feitos das leituras que fazemos." 
José Saramago, 1992 (Prémio Nobel da Literatura 1998)

                                                                  

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Convite a participação "Faça lá um poema"


O Plano Nacional de Leitura (PNL2027) e a Fundação Centro Cultural de Belém (CCB), com intenção de incentivar o gosto pela leitura e pela escrita de poesia, vêm convidar os alunos  do 3º Ciclo do ensino básico e do ensino secundário, das escolas públicas e privadas do continente e ilhas, a participar no Concurso FAÇA LÁ UM POEMA, que decorrerá entre fevereiro e março de 2018.
Os alunos que queiram participar podem fazê-lo com inteira autonomia, com o apoio e enquadramento da escola.
A apresentação pública dos poemas selecionados terá lugar no Centro Cultural de Belém, no âmbito das comemorações do DIA MUNDIAL DA POESIA, que se celebra a 21 de março de 2018.
Os poemas a concurso devem ser enviados para o PNL2027, em formulário próprio do Sistema de Informação do PNL2027 (SIPNL) onde constam os elementos de identificação dos concorrentes, até ao dia 26 de fevereiro de 2018.
Um júri, designado pelo CCB e pelo PNL2027, selecionará os três melhores textos dos concorrentes do 3º Ciclo do Ensino Básico e os três melhores textos dos concorrentes do Ensino Secundário, a quem serão atribuídos prémios a divulgar nos portais do PNL2027 e do CCB.
No dia 21 de março, os autores dos textos premiados podem ler os seus poemas na Maratona de Leitura do CCB, indicar alguém que os leia por si ou permitir a um declamador que o faça.
Na plataforma PNL2027, disponibiliza-se um convite para os alunos com as indicações de como podem participar.

Amnistia Internacional Portugal. amnistia.pt

Em meu nome, da Ana Farias e da Amnistia Internacional, vimos agradecer a vossa participação na Maratona de Cartas deste ano! Sem vocês não tinha sido possível levar a cabo esta enorme tarefa de organizar o maior evento de direitos humanos do mundo.

A todas as pessoas, obrigado pelo vosso comprometimento com a defesa dos direitos humanos!

E não somos só nós que agradecemos. A Shackelia Jackson escreveu-vos também, explicando como tem sido importante na sua luta receber as vossas cartas: http://www.huffingtonpost.co.uk/entry/how-receiving-letters-from-thousands-of-strangers-has-helped-me-fight-for-justice-for-my-brothers-murder_uk_5a620499e4b0125fd6360aff
Over the past two months I’ve received more than 6,000 letters, tweets and emails from people across the UK who I’ve never spoken to or met before in my life ...
Além de palavras, nada como um sorriso sincero para percebermos o impacto das nossas ações. Nesta foto, o Sakris Kupila a receber as vossas cartas de solidariedade:




O Clovis Razafimalala recebeu o prémio "Coragem Cidadã", numa cerimónia organizada por vários coletivos da sociedade civil de Madagascar:
http://www.newsmada.com/2018/02/01/gasy-mahasaky-awards-clovis-razafimalala-recompense/
12 activistes et défenseurs de l’environnement ont reçu le «Prix du courage citoyen» pour leurs engagements et contributions dans l’avancement et la défense ...
Aproveito para vos atualizar quanto ao caso da Turquia, país no qual o Presidente da AI se encontra preso. Após ter sido sido anunciada a sua libertação na semana passada, enquanto a sua família aguardava a libertação à porta da prisão, foi informado de novo mandato de detenção. Até agora já conseguimos recolher mais de 1 milhão de assinaturas a pedir a sua libertação incondicional, por isso, a luta continua! Encontrarão neste link a informação atualizada sobre o caso: https://www.amnistia.pt/tribunal-ordena-libertacao-do-presidente-da-amnistia-na-turquia-ao-fim-oito-meses-na-prisao/

Artigo atualizado a 1 de fevereiro de 2018 às 12h30 A decisão de renovar a detenção e voltar a encarcerar o presidente da Direção da Amnistia Internacional na ...
Muito em breve, enviaremos os vossos certificados de participação via email, com os números finais de assinaturas recolhidas, mas posso-vos avançar que já ultrapassámos os números do ano passado em Portugal!

Finalmente, para vos inspirar a continuar a fazer ativismo e a lutar por uma sociedade melhor, deixamos uma pequena (pequeníssima) amostra das centenas de cartas de solidariedade que recebemos juntamente com as milhares de petições:



Um gigante obrigado pela vossa participação, pela vossa força de vontade, motivação e ativismo que tanto nos inspiram e que ajudam a fazer o mundo avançar no melhor sentido!

E não deixem de ir passando pelo nosso site para assinar as nossas petições online em http://amnistia.pt
Cumprimentos,

1512399363290_AssinaturaJoãoLabrincha2.png

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018